Como estampar capa de celular e faturar vendendo produtos personalizados


Sublimação: sinônimo de poder usar a criatividade para personalizar produtos, vendê-los e também garantir uma renda com algo que pode ser feito até mesmo na sua casa.

Esse processo físico, que envolve pressão e calor é uma das técnicas de estamparia que pode ser aplicada em diversos produtos.

Por conta dessa versatilidade, somado a qualidade do produto final e a sua durabilidade, que a técnica vem sendo difundida e cada vez mais utilizada. Neste artigo, conheceremos mais sobre este processo e como pode ocorrer a sua aplicação em capa de celular (cases).

Antes de tudo, é preciso entender que para colocar a sublimação em prática, será necessário: um desenho em papel com tinta sublimática, uma prensa quente, o produto a ser personalizado, criatividade e vontade de colocar a mão na massa. Vamos praticar?

Como estampar capa de celular e faturar vendendo produtos personalizados

Criando a arte para capa de celular

Entre os produtos que podem receber a sublimação está um material que vem conquistando cada vez o mercado e se tornado um item indispensável numa era de smartphones: os cases de celular (sinônimo de capinhas).

Com eles, é possível deixar o aparelho com um design exclusivo e além disso, protegê-lo em quedas e de fatores externos. O desenho, imagem, ou foto que você deseja aplicar no case pode ser elaborado em programas de edição como o Corel Draw, Illustrator ou o Inksape (que é um software livre).

Mas, antes de iniciar o desenho é importante ter em mãos o gabarito do case. Ele permite que você ajuste a sua arte no formato e tamanho ideal para que aconteça a sublimação.

exemplo de gabarito com sangria para personalização de capa de iphone

Imprimindo sua arte

Com a arte aplicada no gabarito é hora de imprimi-la num papel para sublimação com a tinta sublimática. No momento de configurar a impressão, tome o cuidado para espelhar a imagem, mantendo o seu significado.

Dica: Retire o excesso de papel para facilitar a aplicação.

 

Pensando em começar com estampas? Clique no botão abaixo para conhecer o Jeito Fácil e o Jeito Difícil de começar…

Entenda como Começar a Trabalhar com Estampas sem Precisar Gastar NENHUM Real em Máquinas

 

Estampando sua capa de celular

Tendo a arte em mãos, não podemos esquecer dos outros fatores indispensáveis para fazer acontecer o processo de sublimação. Entre eles, é claro, o produto – neste caso, o case de celular – e também uma prensa que suporte o formato dele, podendo ser uma pensa 3D, ou, caso seja um case com chapa de metal, uma prensa plana.

Aprenda a escolher a prensa sublimática certa para você.

Numa prensa 3D, a sublimação acontece com o encaixe do case em um molde que permitirá a aplicação de pressão e calor dentro de uma câmara aquecida para que aconteça o processo de transferência da imagem para o produto.

No vídeo a seguir você vê todo o processo de sublimação de capas para celular sendo realizado com uma prensa térmica 3D à vácuo.

No caso de uma prensa plana com case de chapa de metal, é preciso retirar a película que vem aplicada na base, aplicar a imagem no lado branco da chapa e fixar com fita para que ela não se desloque durante o processo.

personalizar case para smartphone com sublimação
Esse é o tipo de case para smartphone que é possível personalizar com sublimação em prensa térmica. Perceba que as bordas não são personalizáveis, diferente da técnica usando a prensa térmica 3d.

É recomendado colocar um papel Kraft sobre a manta, centralizando a chapa na forma inferior com o lado branco do transfer voltado para cima, forrar um tecido poliéster por cima e efetuar a prensagem. Neste caso, o tempo recomendado é de 180 segundos numa temperatura de 200º.

Para retirar a chapa da prensa aguarde ela se restabelecer até a temperatura ambiente. Só então retire a película protetora do case, separe o papel sublimático da chapa e a cole no case.

Como vender seus cases de smartphone personalizados?

Com o produto em mãos é hora de começar as vendas.

Para isso, estabeleça um preço justo levando em consideração o seu custo e mão de obra, também tendo em vista um padrão geralmente utilizado pelo mercado.

Como vender seus cases de smartphone personalizados?

Não é necessário ter uma loja física para começar a vender. Hoje, com as possibilidades da internet, você pode criar uma loja virtual, colocar os seus produtos no Mercado Livre e inclusive aproveitar a sua rede de contatos do Facebook e Instagram e oferecer o seu produto.

O que não pode faltar nesse momento é força de vontade.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *